Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]


Notas Soltas #1

por Faust Von Goethe, em 27.02.13

I
 

Anda meio mundo preocupado com as eleições em Itália e a cantar de Grillo. Não vale a pena!
As eleições italianas provaram que a democracia ainda funciona e provou que os políticos italianos, por mais corruptos que sejam, são velhas raposas.
Destas eleições, há apenas 2 observações a reter:
i) Os italianos são pró-europeus mas anti-bruxelas.
ii) O resultado das eleições italianas coloca em causa o processo de integração europeia.


II


Ainda sobre o cantar de Grillo: Portugal já teve os seus Grillo's mas com apelido mais comestível que nos traz à memória fiambre e salsichas enlatadas. Da ascenção meteórica (candidato a PR) à queda (candidato a presidente da AR) foi um instante durou menos de 1 ano.
É assim que devemos olhar para candidatos de protesto sem qualquer substância política e sem consciência social. Se falássemos da ascenção política de líderes como Morales (Bolívia) e Correa (Equador), aí a estória seria outra e teríamos mais que investigar. É com estes líderes de protesto que a Europa deveria aprender.

 

III

 

Que me perdoem a minha falta de patriotismo, mas não encontro no cancioneiro Português música tão interventiva, do ponto de vista social, como as músicas da época em que surgiu o movimento tropicalista no Brasil. Qualquer música dos Mutantes mete, em termos de conteúdo, músicas como "Grândola Vila Morena" entre outras a um canto. Falo-vos de riqueza musical e de multiculturalidade.  

Ao contrário da música de intervenção em Portugal, sempre ligada ao saudosismo de uma pátria longínqua e utópica e associados aos movimentos de esquerda, com especial incidência a sul do rio tejo e e alentejo, o movimento tropicalista [brasileiro], para além de ser um movimento de protesto usando técnicas análogas ao que os escravos usavam quando desenvolveram a Capoeira, contribuiu-e muito- para a revolução cultural do brasil até aos dias que correm.
Pelo Brasil, Caetano Veloso e Gilberto Gil que lançaram as suas carreiras, em paralelo com a ascenção do movimento tropicalista, ainda produzem. Por cá, os resquícios de Zeca (Zé Mário Branco, Janita Salomé, Vitorino et all ) parecem já estar "embalsamados". Resta-nos, numa esperança saudosista, entoar o seu cancioneiro, até que a garganta nos doa. 

Ter começado recentemente a estudar história e os costumes do Brasil dá nestes devaneios psicadélicos.


IV


A par da igreja católica, os relacionamentos também estão em crise, ou talvez, em metamorfose.

Nos tempos que correm, é tão ou mais mais importante assumir um compromisso/matrimónio online numa rede social que assumir propriamente o mesmo perante a igreja, ou até mesmo perante o registo civil. 
Esta é a conclusão que retiro dos lembretes e avisos que recebo regularmente na minha conta de Facebook.


Adenda: A rúbrica "Notas Soltas"-que hoje começa-é uma rúbrica tendenciosa, consciente mas ao mesmo tempo, provocatória. As opiniões aqui expressas são da total responsabilidade do autor. 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 11:40

Equidade Fiscal, segundo Jutta Urpilainen.

por Faust Von Goethe, em 03.01.13



Em tempos econômicos difíceis é importante garantir que a equidade fiscal deve efectuar-se pelo melhor. Há também a necessidade de moderação, seguindo o exemplo dos líderes. Por esta razão, os ministros cortar os salários dos seus próprios há um ano, a 5%. É bom que o Presidente da República, pelo exemplo de gestão associados a mesma cadeia de Niinisto, retornando o antecessor do seu Presidente Halonen, o nível do prémio. Espero que os líderes de negócios, seguindo o exemplo e reduzir seus salários. Creio, também, os membros dispostos a participar no trabalho. Em vez de gordura, não concordo com a geral. Finlândia não pode ter recursos para baixo- e rendimento médios salários.

Jutta Urpilainen, ministra das finanças Finlandesa (traduzido pelo Bing).


Para que conste para o debate político actual, que tanto cá como lá, o Orçamento de Estado para 2013 não é consensual. No entanto não deixa de ser curioso, ao contrário de cá, de ser o responsável da pasta das finanças a vir levantar a questão da equidade fiscal [nas redes sociais].

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 19:46

Facebook´s Digest - 27 de Novembro 2012

por John Wolf, em 27.11.12

Like. Aquele gajo do PS é mesmo fraquito. Experimente o famoso Leite de Colónia. Parece-me bem: a caridade não pode ser exclusivo da outra senhora. E faz hoje 42 anos que George Harrison publicou o seu primeiro disco a solo (o triplo LP "All Things Must Pass"). Lançamento do livro na próxima sexta-feira, dia 30 de Novembro próximo, às 17 horas, no auditório 3 da Faculdade de Letras da Universidade de Lisboa, no encerramento do colóquio. Unfriend. Like. Seguro não se compromete. Prefere comprometer-nos a todos. Mais de duas horas e meia da minha vida em volta de um balcão da EMEL com idas, vindas e voltas. Faltava, da primeira, o documento da viatura, não acreditavam que o próprio era residente no município e invocavam uma norma inscrita num boletim municipal.|fotografia para ficar em silêncio .. e quase a sair de lisboa .. até breve|. Emigração portuguesa em Paris (Imagem 1956).‎"Yes, I'm a Woman, I can go from normal to bitch in 0.5 seconds". Depois de 3 dias de avaria no servidor internacional de internet a Angola, eis que estou neste momento ligado ao mundo outra vez ;). 'O amor, quando a tarde ainda não começou a cair, confunde-se com o canto das aves que só ali estão porque é campo, e não faltavam árvores para os ninhos dessa primavera.' O sentido do trágico aumenta e diminui com a sensualidade -Friedrich Nietzsche. A partir de 2013, uma das refeições da maioria das famílias portuguesas será substituída pela projecção de um instagram, na parede da sala de jantar.rsrsrsrs. Coloquei algo no meu mural mais ou menos semelhante. Essa Copa do Mundo do Brasil .... Acho que vai ser uma Fulecagem! Mto ruim esse nome. La versión en internet del órgano oficial de comunicación del régimen norcoreano, el Diario del Pueblo, se ha hecho eco de una supuesta información publicada por la revista satírica «The Onion» en la que se calificaba al dictador Kim Jong-un como el «hombre vivo más sexy». Mas tem que trazer o pato e as laranjas que aqui só há galinha e arroz! Portugal ainda é dos pequeninos, mas acredite que depois de estar longe a vontade de ser pequenino de novo é enorme. Pois, pois. Se calhar a mulher do juiz é da paróquia do padre.like. lol. O tal hugo mãe, em minúsculo como lhe compete, ganhou um prémio "literário". Se Jorge de Sena fosse vivo decerto não deixaria escapar esta "revelação" de um outro portugalório que nem por ser "modernaço" deixa de ser provinciano. E terminou na Sexta-feira passada, a nossa exposição na Casa Municipal de Estarreja. Queremos agradecer a todos os que contribuiram para que isto fosse possível e avisar que todas as peças estão de volta a nossa loja!

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 17:09

Museu Académico de Coimbra (#)

por Faust Von Goethe, em 26.11.12

 

O Museu Académico de Coimbra, possuidor de um riquíssimo património da vida estudantil de Coimbra, com colecções da vida estudantil e peças valiosas onde podemos destacar: a Guitarra do Hilário, do Artur Paredes, de Afonso de Sousa e do Santista Lucas Junot, entre outras. A primeira taça de Portugal ganha pela Académica em 1939 e imensos troféus desportivos das secções desportivas da Associação Académica de Coimbra. Além de todo o património e documentação da extinta Associação dos Antigos estudantes de Coimbra no Brasil. Por outro lado, também o Arquivo da Associação Académica de Coimbra e uma imensa biblioteca de temática de vida estudantil donde poderão sair estudos e dissertações. Mesmo a "colher de pau" da praxe que pertenceu a Antero de Quental está no Museu, Colecções das Repúblicas de Estudantes, entre muitas outras colecções e peças.

A razão do envio deste mail é que, em 2011, dadas as dificuldades do Museu, foi criada a Liga de Amigos do Museu Académico de Coimbra, uma Organização sem fins Lucrativos, com o objectivo de proteger, divulgar e dinamizar o Museu. Assim, o que vos solicitava, e se o entenderem fazer era que aderissem à página no Facebook da Liga, pois, quanto mais aderentes tiver, mais força terá para proteger o Museu. Quem o pretender fazer, bastará clicar em "Gosto" ou "Like", ou "Curtir" na página do Museu no Facebook, que é aqui:

http://www.facebook.com/pages/LIGA-DOS-AMIGOS-DO-MUSEU-ACAD%C3%89MICO-COIMBRA-LIMAUC/169085666481406

Além disso, quando vierem a Coimbra, visitem o Museu Académico, que fica situado no 1 º piso do Colégio de S. Jerónimo, próximo da Estátua do D. Dinis (Antigo Edifício dos Hospitais da Universidade) e o Museu está aberto de segunda a sexta.

 

 

(#) Recebido por e-mail.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 12:03

Troika de Burros.

por Faust Von Goethe, em 13.11.12

 

Foto delitada da página Burros de Portugal.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 18:32

Suposições ou

por Antero Neves, em 10.11.12

O que eu penso que sei, o que tu pensas que sabes, o que eles pensam que sabem.

 

As pessoas não podem ser julgadas tendo por base uma onda de opinião nas redes sociais. Isto é o que eu penso que sei.

É claro que haverá gente a discordar de mim, mas isso é problema de quem pensa que sabe que não é assim e não meu.

O que tenho assistido nos últimos dias - acerca de Isabel Jonet - parece uma adaptação do conto Frei Genebro de Eça de Queiroz e o sentimento que me assola é exactamente o mesmo: injustiça.

 

A justiça divina do conto toma neste caso a forma de justiça facebookiana e trata com desprezo qualquer acto anterior ou qualquer intenção diferente daquela que os carrascos amigos de facebook supõem. Assim, nos últimos tempos, inundam o terceiro maior "país" do planeta com pedidos de explicações e exigências de desculpas mostrando a falta de compreensão e até uma presunção de superioridade relativamente a quem durante 20 anos teve um papel agradável mas que, por todos quererem ser mais santos que os demais, suponho que suscitava invejas ou pelo menos vontade de criticar.

 

Agora chegou a desculpa que esses procuravam.

Aquilo que eu depreendi das palavras de Isabel Jonet foi um aviso de alguém que já viu e viveu mais do que eu, nada mais, nada menos, e por isso lembrei-me do ditado anglo-saxónico: no good deed goes unpunished.

Isto é o que eu penso que sei, provavelmente estarei errado, mas tu que lês este texto e tens uma opinião diferente - contrária ou não - provavelmente também estás errado, e eles, os que estão à nossa volta, também, porque todos nós pensamos que sabemos quando na realidade não fazemos ideia.

 

Pena que nestas coisas da justiça e da consciência não podemos usar a Matemática para calcular a média (ou mediana) de todas as nossas suposições e encontrar, se tivermos em conta a sabedoria das multidões, a mais certeira.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 19:47




Pesquisa

Pesquisar no Blog  

calendário

Dezembro 2015

D S T Q Q S S
12345
6789101112
13141516171819
20212223242526
2728293031

Posts mais comentados






Contador